sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Assombro


Estou me sentido mal, embora tenha mentido no telefone dizendo estar bem, minha cabeça dói, meu cérebro parece querer saltar pelos olhos. O simples ato de pensar me causa dor física e emocional; ainda estou pensando naquela outra que não conheço e cultivando litros de rancor e desprezo por ela e por mim ao mesmo tempo, pensando no quanto eu sou incompetente, de como ter um relacionamento onde esta outra divida meus vínculos sociais me faria desejar afastar-me deles.

Mesmo estes meros pensamentos me magoam, ferem e fazem-me infeliz, minha cabeça gira com tudo isso entrei no ônibus abri tantas janelas quantas pude, o vento parecia aliviar a dor de cabeça enquanto a vontade de chorar crescia, chegou em meu ponto, levantei a dor voltou, mas vi que uma criança sorria pra mim tentei sorrir de volta, desci do ônibus e minha cabeça girou pensei que fosse cair, eu já estava quase em casa apenas há alguns metros da minha cama onde eu poderia ficar por quanto tempo fosse, pus um pouco de empenho confortada pela idéia de poder morrer em paz.

E felizmente consegui chegar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário