sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Penumbra

Cheguei com a penumbra
E o alemão rouco em meu ouvido
Mit dir bin ich auch allein
nao eram minhas as palavras
mas era o que eu queria dizer

a furia chegou junto
comigo, com a penumbra e com o alemão
bradei as palavras
que ninguem mais entenderia

Derrubei os livros da estante
tirei as roupas do armario
joguei o que havia sobre a cama no chao
e me acalmei devagar

a primeira noite em muito tempo sem ligar o parsocon
procurei o telefone naquela bagunça
liguei para o desaforo
e depois para o consolo

chorei até ficar com dó de mim
e adormeci quase em paz.